Oi gente! Mais um Hi Opniões!!! Eu irei descrever algumas coisas que eu acho sobre o “CARNAVAL”. Bem, primeiramente que é uma merda! Mas “Mo” por que você diz isso!? Para começar irei falar sobre aquele barulho insuportável! (Estou me referindo: “tambores” ). Aquilo na minha cabeça é uma… Alias é um carnaval, uma bagunça e logo vem a dor de cabeça. “Ah… Mas só por que você sente dor de cabeça, não quer dizer que tenha que fazer as pessoas não gostarem do carnaval”. Se você pensa que eu quero fazer pessoas a deixarem de ir no carnaval ou fazer parte de algum bloco sei lá. NÃO! Quero deixar bem claro “NÃO! Eu apenas estou dando minha opinião sobre devido assunto que é o carnaval! O carnaval é uma festa bastante conhecida em todo o Brasil, e por ser em todo o Brasil, a merda toda para. A TV (Nem gosto mesmo). A internet (É, internet também é carnaval). Ruas (A pior parte). Ruas são o principal foco do carnal, claro né, se é muita gente.Tem que ser a rua. E nesta época as pessoas mostram sua verdadeira face, pois se rebaixam no pior nível possível. E o pior ainda não acabou… (Eles fazem isso antes do carnaval começar). Com frases que seriam: “Eu vou beber todas!”; “To solteiro(a), e estou na pista”; “Meu cú não é de ninguém. (Que merda). Bem vamos parar por aqui. Eles não simplesmente dizem isso, eles escrevem!(Redes sociais). Eu penso, por que uma mulher decente iria a está festa. Pois mulheres inteligentes pensariam “Poxa, só vai ter homem, que quer passar o rodo, não irei encontrar alguém serio.” Tá bom! Eu sei que isso pode acontecer, uma vez em cada década, mas ainda é possível. E o que escrever mais sobre está festa que é como o Futebol no Brasil, e que sempre tem que haver uma mulher pelada, dançando na telinha da Globo. E por mais que seja explicita a cena para crianças, não existe a censura em tais horários que crianças, claro, podem estar acordadas. Eu acho esta festa um desgaste total. Primeiro que com certeza alguém no Brasil, pelo menos uma pessoa, sairá doente, e pagará pelo resto de sua vida por ir em uma festa que “ninguém é de ninguém.” Eu particularmente, gosto de algumas festas. Contanto que tenha respeito a todos sem exerção. E que não tenha muito barulho ( sons que poluem). Uma música tranquila, MÚSICA! Não sons sem sentido. Isso sim que é festa! Festas de baixo nível como esta “Carnaval” (baixo nível sim! Eu escrevo como quiser! O blog é meu truta!) Eu imagino perder um pouco do que sei, quando vou a tipo de festa. Imagino nunca mais ter criatividade para criar textos e outras coisas que podem ser útil para humanidade. E antes que perguntem, sim! Eu já fui à um carnaval. E por isso que estou dizendo, alias escrevendo(digitando) essas coisas com tanta certeza, pois já fui, já bebi em um carnaval. Mas não sentia dor de cabeça na época. Sei lá, não é só por causa da dor de cabeça, mas por varias outras coisas citadas aqui. Mas a dor de cabeça, é uma resposta rápida, odeio ficar explicando motivo de tal assunto para as pessoas. E voltando ao carnaval, não podemos esquecer da tal Micareta, pois nem sei o que se trata, apenas vejo centenas de pessoas com roupas iguais. Segundo o Wikipédia: Micareta é a denominação dada no Brasil ao “carnaval fora de época”. O nome deriva-se de uma festa francesa, Mi-carême, e desde os anos noventa vem se espalhando por várias capitais e cidades brasileiras. Países como Canadá, Portugal e Espanha já realizaram sua “micareta”, adaptadas conforme a cultura local. Bem e como pode ver, a porra se espalha. É que muito semelhante ao câncer (me perdoe a todos que possuem câncer, sei bem como é). Bem galera foi apenas um pouco de um pouco que sei sobre essa alegria total que é nomeado: Carnaval. E não, eu não sou chato. Sou insuportável

Advertisements